Robô Gigante


O mangá Jiyaianto Robo de Mitsutero Yokayma foi adaptado para a tv e se tornou a série Robô Gigante, lançada no Japão em 1967 (Johnny Soko and his Flying Robot) e exibida no Brasil nos anos 60 e 70, época de Capitão Aza (tv Tupi) e Capitão Furacão (tv Globo).


A série conta a história da invasão do planeta Terra pelo imperador Guilhotina, vindo do planeta Gargoyle. Os heróis na luta contra Guilhotina e seus monstros são o menino Daisako (Johnny Soko), o Robô Gigante e a organização de defesa Unicorn. A cabeça do robô lembra a famosa Esfinge egípcia.


O episódio 1 mostra a criação do robô quando Guilhotina obriga o cientista Dr. Guardian de Lucious a construir um robô gigante movido a energia nuclear. O artefato só obedeceria as ordens da 1a pessoa que gravasse sua voz no cérebro eletrônico do robô. O tiro sai pela culatra: o menino Daisako é quem grava a voz e passa a controlar o robô. Lembra-se como é que ele se comunica com o robô e o controla???


O robô voava, lançava raios laser pelos olhos, fogo pela boca, foguetes pelas pontas dos dedos das mãos e também pelo peito. Outra arma poderosa era seu famoso soco. Bastava o comando de Daisako "Robô Gigante, preparar soco de um Megaton" para os oponentes levarem a pior na luta.

Uma curiosidade dessa série de apenas 26 episódios é que no último, o Robô luta contra Guilhotina, eles se chocam com um meteorito e ambos se destroem. O robô realiza seu ato derradeiro, num gesto de sacrifício pela vida na Terra. Será que realmente somos merecedores desse gesto?


Esse boneco foi produzido pela empresa japonesa Sega Prize em 2002. Um verdadeiro clássico japonês!!!

2 comentários

hagai kadosh disse...

muito feliz em rever meu heroi favorito,muito emocionante,querido robô gigante,que saudade!

Alfredo Manhães disse...

Olá Hagai, essa série de tv é parte da infância de muita gente. Valeu!!!
Abs.

Imagens de tema por MadCircles. Tecnologia do Blogger.