Os Guerreiros Ultra (I)


A série de tv dos Guerreiros Ultra foi criada pela Tsuburaya Productions nos anos 1960, no Japão. A história tem início na  "Terra de Luz" (Land of Light), planeta localizado na nebulosa M78 que fica a 3.000.000 de anos luz da Terra. A civilização do planeta estava ameaçada de destruição pois o sol que o iluminava iria se tornar uma supernova. 

Galáxia M78
Preocupado com o destino da Terra da Luz, Ultra Elder, governador do planeta, convence um grupo de cientistas a construir um sol artificial para evitar a extinção da população. O novo sol emite forte radiação de plasma, e a exposição a esses raios faz com que muitos habitantes da Terra da Luz adquiram poderes que os permitem aumentar de tamanho e emitir diferentes tipos de raios. Além desse efeito, a radiação também provoca a morte de pessoas.

Os Guerreiros Ultra
Ulra Elder cria então um traje especial para controlar os poderes adquiridos por alguns habitantes e estes se tornam os Guerreiros Ultra, que são enviados a qualquer planeta que precisa de ajuda. Inicia-se assim a saga dos Ultra na Terra, que no Brasil foi representada por Ultraman (Tenente Hayata - Patrulha Científica), Ultraseven (Dan Moroboshi - Esquadrão Ultra) e O Regresso de Ultraman (Hideki Go - G.A.M.). A série foi exibida no Brasil pelos canais de tv Tupi, SBT e Record.

A Bandai lançou uma série de figuras de ação com os Guerreiros Ultra e os monstros que ameaçavam a paz na Terra.
Guerreiros: Ultraman Tiga, Ultraman 2, Ultraman 3 e Ultraman 4.

Os monstros que ameaçaram a Terra: Seabozu, Alien Hipporit, Metron e Jamila.
Que tal relembrar as aberturas da série no Brasil?

Ultraman




Ultraseven




O Regresso de Ultraman


Comentários

Alfredo Manhães disse…
Olá amigo, agradeço a visita! Grande abraço!!!
Natanael disse…
Meu amigo, que saudade do Ultramen, hoje em dia meu filho só quer saber de Ben 10, baita desenho chato. Sempre mostro pra ele o Ultramen, os Cavaleiros do Zodiaco, Caverna do Dragão e tal, mas ele não se interessa muito. Muito legal seu blog, é uma verdadeira máquina do tempo. Parabéns meu velho, continue postando essas coisas bacanas. Sucesso!
Carlos Campani disse…
Este comentário foi removido por um administrador do blog.